Ontem foi aniversário do Gineceu, dois anos de existência. Diversas configurações, momentos que fizeram tudo valer a pena, muito estudo, horas que era de certeza “foi tudo em vão!”, mas tinha sempre um convite para palestra, um projeto começado, novas pessoas, novos espaços, muitas ideias, que virou uma continuidade recomeçada. Nosso 2017 começou e segue mais devagar que 2016, estamos dividindo as forças em diferentes frentes de trabalho para depois multiplicar aprendizado. Passando por mais mudanças, que logo, logo a gente vai atualizando por aqui.

Vale anunciar que ganhamos um caçula, meu filho, Joaquim (relato de parto em breve). A chegada dele traz coragem e força para seguirmos no sentido de sempre, mas de outros lugares.

O Gineceu nunca pode existir no singular, desde quando ainda nem tinha esse nome é um projeto pensado em parceria com outras pessoas. Sem o outro não se vai longe, a gente precisa de espelho. Nosso sentido orientador é promover e buscar manter uma rede de apoio às mulheres, para benefício de todxs. Através de oficinas, palestras, workshops, e outras vivências, oferecemos ferramentas/canais/segundas chances para facilitar no processo de construção de si.

Lugar que dialoga com as informações trocadas, com as histórias compartilhadas, com as experiências vividas em grupo, no nosso grupo, na nossa casa.

Acompanhe pelo site os próximos movimentos, e as novidades que vão aparecer no Nacos de Maternitice.

Abraço,

Elis Barbosa

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *